sexta-feira, 22 de julho de 2011

Catarina ou o Sabor da Maçã

Título original: Catarina ou o Sabor da Maçã
Género: Romance
Autor: António Alçada Baptista
Ano: 1988

Sinopse: Nesta interessante análise dos comportamentos humanos que informa toda a trama novelesca, o narrador desdobra-se em observador, distanciando-se do vivido, e em participante, envolvendo-se, para melhor compreender. Assim nos dá a conhecer Catarina, doce e adorável mulher que no entanto abriga em si uma perigosa atracção pelo abismo. A leitura deste romance é sempre renovado pelo prazer de saborear a prosa de Alçada e, simultaneamente, experiência de inquietação, o que, de resto, caracteriza toda a obra do autor. (in Wook)

Felipe apaixona-se por Catarina. Sabendo que ela mantinha uma amizade com um dos seus amigos, arrisca um pedido de ajuda para conquistar a jovem. O amigo, que é quem está a contar a história, ao aproximar-se da inteligente e bonita Catarina começa a olhá-la com outros olhos. Quando Felipe recebe e aceita uma proposta de trabalho no estrangeiro, o amigo vê aumentar as suas chances com a jovem.

- Talvez fosse possível ensinar as pessoas a ver nascer o Sol...
Eu perguntei:
- E a ti, quem te ensinou?
- Tudo me ensinou: o meu pai, a minha mãe, o mundo em que eu nasci...Tudo mais ou menos me preparou para coisas destas. Viver é capaz de ser uma educação de sentimentos.
- Sim. É capaz de ser, só que nós temos uma imensa capacidade de sermos infiéis às coisas para que fomos feitos.
A história de Felipe e Catarina serve de ponto de partida para aproximadamente 90 páginas onde são abordados temas relacionados com o ser humano e as suas atitudes e comportamentos perante determinadas situações da vida.
António Alçada Baptista analisa situações tão ambíguas como um momento de pura felicidade onde se aprecia a beleza da natureza ou as acções que levam alguém a bater no fundo do poço e a não conseguir arranjar forças ou apoios para sair do buraco, transformando-se na vergonha da sociedade dita civilizada.

A Patxocas acha que é um livro que mais pessoas deveriam ler e eu aceitei o desafio. Gostei.
(4/5)

2 Comentário(s):

patxocas 2:25 da tarde, julho 26, 2011  

Gostaste! ;) Que bom! Ainda bem.

Mary 8:28 da tarde, julho 26, 2011  

Patxocas, poucas páginas, mas muito bom.
:-)

  © Blogger template 'Morning Drink' by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP